Perfeitamente integrado
ao meio ambiente

A Portlandzementwerk Wotan H. Schneider conta com o Pipe Conveyor do BEUMER Group

A Portlandzementwerk Wotan H. Schneider de Üxheim-Ahütte na região vulcânica de Eifel adquiriu um Pipe Conveyor fabricado pelo BEUMER Group para transportar clínquer até o seu moinho de cimento. O sistema de transporte de 200 metros de comprimento é adaptado para se ajustar perfeitamente ao meio ambiente local. Como a instalação é totalmente fechada, não há queda de material na estrada ou nos veículos que estejam passando. Além disso, não há liberação alguma de pó no ar, o que beneficia o meio ambiente. O transportador também é econômico na operação, com consumo eficiente de energia e manutenção facilitada.

Cerca de 380 milhões de anos atrás, vastas reservas de calcário se acumularam no pequeno vale de calcário de Hillesheim na região vulcânica de Eifel, na Alemanha. Inúmeras formações de dolomito e diversos cones vulcânicos de basalto e lava demonstram a diversidade geológica da área. No centro da região fica a pequena paróquia de Üxheim-Ahütte. A Portlandzementwerk Wotan H. Schneider KG, informalmente conhecida como Wotan Zement, tem sua usina próxima ao vilarejo com 180 habitantes desde 1923. A empresa familiar tem 70 colaboradores e produz nove tipos de cimento. Segundo o diretor Jörg Ramcke, incluem cimento Portland, cimento calcário Portland, cimento de pozolana Portland, cimento de alto-forno e cimento de escórias Portland. Eles são ensacados ou colocados em caminhões graneleiros e transportados para os locais de construção, usinas de mistura, fabricantes de componentes de concreto e comerciantes de material de construção localizados na Renânia Palatinado, no Sarre, no sul da Renânia do Norte-Vestfália, em Luxemburgo, na Bélgica, no sul da Holanda e na França.

Crescente demanda por cimento

Em um ciclo de duas semanas, os colaboradores mineram as matérias-primas necessárias (calcário e marga) nas pedreiras de Üxheim, Nohn, Berndorf e Kerpen, todas no vale de calcário de Hillesheim. Para a fabricação de cimento, o calcário é triturado e homogeneizado com matérias-primas adicionais. O material triturado é transportado com outros materiais do pátio de homogeneização até a usina. Nos moinhos, os materiais são moídos até a granulometria necessária e secos. A farinha crua resultante é homogeneizada e temporariamente armazenada em grandes silos. Para obter clínquer de cimento Portland, um produto intermediário granulado, a farinha crua é primeiro transportada para os ciclones de pré-aquecimento, depois para o calcinador. A porção de calcário da farinha crua é desacidificada a temperaturas superiores a 950ºC. Então o material vai para o forno rotativo onde é calcinado a temperaturas de aproximadamente 1.450ºC. "A demanda por cimento está crescendo tanto que mesmo nós não conseguimos produzir clínquer suficiente", explica Jörg Ramcke. Além disso, o fabricante compra clínquer de cimento adicional de empresas do leste europeu. Ele é transportado por mar até a Alemanha e por caminhões até a usina em Üxheim-Ahütte.

"Para esta finalidade, construímos uma nova estação de recebimento de caminhão", acrescenta o diretor. O fabricante de cimento precisava de uma solução eficiente para transportar o material de chegada até o local de preparação. "Estávamos procurando uma solução ecológica e de baixo custo de manutenção", especifica Jörg Ramcke. O novo transportador teve de ser totalmente adaptado às instalações existentes; por exemplo, ele teve de seguir o decurso da via de acesso e não devia perder material algum, mesmo nas inclinações de subida e descida.

Conhecimento abrangente, suporte ideal

Para a fabricante de material de construção, o BEUMER Group foi a primeira escolha para fornecer o equipamento de transporte ideal. O fornecedor das soluções de transporte está bem estabelecido na indústria de construção há quase 80 anos. A BEUMER concentrou seu vasto conhecimento na indústria de material de construção e criou diversos Centros de Competência para oferecer suporte ideal para os fabricantes de material de construção fornecendo soluções de única fonte. O segmento Pipe Conveyor é um dos Centros de Competência da BEUMER que são responsáveis pelo gerenciamento de projetos e vendas em todo o mundo. Este projeto específico foi realizado em estreita colaboração entre as filiais na Áustria e na República Tcheca.

Máxima proteção do meio ambiente, mínima manutenção

"Junto à equipe de gerenciamento em Üxheim-Ahütte, desenvolvemos uma solução sob medida para atender às exigências do cliente", diz Josef Amon, gerente de projeto na BEUMER Group Austria GmbH, responsável pelo projeto. Ficou claro que o Pipe Conveyor era a melhor solução, oferecendo proteção ambiental e baixa manutenção. A Wotan Zement já tem um Pipe Conveyor e a instalação tem resistido ao teste do tempo. "Seu design fechado protege de forma confiável o meio ambiente de pó e as pessoas ou os veículos contra a queda de mercadorias", explica Josef Amon. Os transportadores oferecem muitas outras vantagens. Eles podem percorrer longas distâncias e curvas horizontais e verticais com raios estreitos. A possibilidade de contornar curvas acentuadas indica que bem menos torres de transferência são necessárias em comparação a outros transportadores de correia — ou, dependendo do comprimento do transportador e do raio de curva, até mesmo nenhuma. Graças a isso, o cliente pode reduzir significativamente os custos e a BEUMER pode adaptar a instalação mais facilmente às exigências específicas.

O BEUMER Group forneceu e montou uma instalação com um diâmetro do tubo de 200 milímetros e comprimento de 213 metros. Ela transporta até 200 toneladas de material por hora. Outra vantagem da instalação é a baixa emissão de ruído pelo Pipe Conveyor. Rolos de carga especiais, mancais silenciosos e motores elétricos funcionam silenciosamente. "Isso contribui para um ambiente de trabalho mais agradável para nossos colaboradores. Além disso, as pessoas na vizinhança não são perturbadas pelo barulho. Esse é um aspecto importante, já que a usina está localizada nas proximidades do vilarejo", observa Jörg Ramcke.

Performance cuidadosa do início ao fim

Além do fornecimento e instalação do Pipe Conveyor, a BEUMER também cuidou de todas as soluções necessárias para garantir uma operação impecável. Dentre outras coisas, a BEUMER equipou o sistema de transporte com um separador magnético.

O percurso do Pipe Conveyor agora percorre a via de acesso, passa por uma balança de plataforma e então chega a um chute de duas vias. De lá, o clínquer é transportado para o moinho por meio de um transportador de correia reversível existente ou levado para o armazenamento de clínquer existente.

Desafios da construção

O BEUMER Group foi responsável por todo o processo. A BEUMER Áustria assumiu a implementação do projeto: seus colaboradores elaboraram a concepção do projeto e incluíram todas as instalações fornecidas pelo cliente, entregaram os componentes e colocaram o Pipe Conveyor em serviço. A filial do BEUMER Group na República Tcheca assumiu o detalhamento de engenharia, a estrutura metálica e a instalação. "Nós projetamos as estruturas para que elas pudessem sustentar o sistema de transporte pneumático fornecido pelo cliente", explica Josef Amon. "O desafio era fazer ficar sem estruturas de apoio adicionais." Além disso, os engenheiros integraram o Pipe Conveyor à estrutura existente da usina existente. "Entretanto, como o sistema era bastante velho, havia pouca documentação", relembra. Esse desafio também foi superado com sucesso pela BEUMER, já que os Pipe Conveyors são bem fáceis de integrar a usinas existentes.

A implementação completa do projeto durou cerca de dez meses. Desde fevereiro de 2015, a instalação tem operado com sucesso. "Estamos muito satisfeitos", diz o diretor Jörg Ramcke. "O transporte da estação de recebimento de caminhão até o armazém de clínquer ou o moinho é feito de modo silencioso, rápido e sem perda de material".